Translate

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Férias


Não é uma nova receita...essa panqueca é a mesma da postagem abaixo. É que eu quis aproveitar a mesma deliciosa receita para dar um recadinho.......estou viajando de FÉRIAS!!
Então, durante 20 dias, estarei afastada do blog mas prometo novidades, muitas receitas saborosas faremos, durante esse novo ano que se inicia. Assim espero e desejo a todos um FELIZ 2012!

Panqueca De Frango ao Molho Branco




Gosto do molho branco porque ele confere uma delicadeza à panqueca de frango – desde o sabor até à aparência aveludada.
O recheio você pode fazer como quiser, acrescentar ou substituir ingredientes, acrescente o seu  toque pessoal. Porém, não deixe de colocar a farinha de trigo e o leite, pois são essenciais para dar liga e o requeijão acrescenta cremosidade. Há quem use creme de leite.

A receita da massa da panqueca, você vê neste post. Aí postei uma massa básica que serve para panquecas com recheio tanto doce quanto salgado.

RECHEIO DE FRANGO:
500 g (1.10 lb) de frango cozido e desfiado
cebola picada
½  lata de tomate pelado ou 1 tomate sem pele, picado
um pouco de milho verde ou ervilhas congeladas
sal a gosto
1 colher de sopa de farinha de trigo
½ copo de requeijão
1 e ½ xícara de leite ou o quanto baste para dar o ponto
sal a gosto


MOLHO BRANCO:
800 ml (8dl/28 fl oz) de leite quente
½ cebola ou uma pequena
1 folha de louro
2 colheres de sopa de manteiga (de preferência sem sal)
4 e ½ colheres de sopa de farinha de trigo
raspas de noz-moscada a gosto

* Esta receita de molho branco é inspirada na  Chef Catarina Melo, (que me ensinou a fazer o autêntico e perfumado molho bechamel).



Ponha o leite para aquecer com a cebola e a folha de louro, sem deixar ferver.
Faça o roux:  derreta a manteiga numa panela e acrescente a farinha de trigo, mexendo bem. Use uma colher de pau ou uma espátula.
Desligue o fogo e acrescente o leite, já coado, aos poucos. No começo, às colheradas, e mexa com vigor, para não empelotar, usando um batedor próprio (fouet) até transformar-se num creme macio e homogêneo.  Leve ao fogo baixo e mexa mais um pouco. Tempere com sal e noz-moscada. Usando esse método, dificilmente seu molho vai empelotar, mas, se acontecer, bata no liquidificador, para salvá-lo!! 

Agora, é só montar as panquecas:
Num refratário, disponha as panquecas já recheadas e enroladas, e despeje MUITO molho sobre elas. Ao fazer duas camadas, o molho deve estar entre essas camadas, também, cobrindo todas as panquecas. É importante que elas nadem nesse molho saboroso. Finalize com queijo parmesão ralado na hora.



Adoro o contraste entre a massa crocante e o molho aveludado.

Cubra com papel-alumínio e leve ao forno médio, pré-aquecido, até começar a borbulhar levemente e o cheiro delicioso começar a se espalhar pela sua cozinha. Tire o papel alumínio e deixe gratinar.
BOM APETITE!



quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Cookies de Baunilha Com Gotas de Chocolate



Lembra que eu falei dos cookies? A foto está ruinzinha, de celular, meio a noitinha...como disse, minha câmera pifou...
Então, aí está a receitinha dos cookies que andei fazendo por esses dias tumultuados...fizeram muito sucesso aqui em casa e são fáceis de fazer.


Com esta chuva e este friozinho – aliás, fato raro aqui em Brasília, que tal fazer esses cookies, levemente calóricos, para não dizer o contrário, mas tão... tão deliciosos!!
Neste friioooo, aquece por dentro e por fora! Experimente fazê-los para o lanche, é fácil e rápido!

Cookies de Baunilha com Gotas de Chocolate
Esta receita é uma versão da receitinha de uma  amiga que, por sua vez, conseguiu com outra amiga, que conseguiu com outra, e, infelizmente não conheço para reportar os créditos, mas, assim, vai... como é mágico essa coisa da receita culinária...atravessa o mundo!
A receita recebeu pequenas modificações, mas aí segue.

- 2 xícaras de farinha de trigo rasas (220g)
- 1 colher de chá de fermento em pó
- ½ colher de chá de bicarbonato
- 4 colheres de sopa polpudas de manteiga (130 g)
- 1 xícara de açúcar branco refinado (160 g) ( de preferência  baunillhado)
- 1 ovo
- cerca de  150-200g (5.30 oz)de chocolate em gotas ou em disquinhos ( uso em disquinhos)
- 1 ½ colher de chá de essência de baunilha 

Misture o açúcar, manteiga, farinha e fermento juntos e o ovo para dar liga. Quando a massa estiver no ponto de enrolar, acrescente o chocolate a gosto. Se for usar os disquinhos, ponha-os na tábua, e pique com uma faca em pedaços grandes.
Unte uma assadeira com margarina, disponha-os com uma boa distância um dos outros e leve ao forno pré-aquecido.

AH......Quanto ao * Forno pré-aquecido a 180º C/ 360º F) -  isso é importantíssimo: uns 15 minutos antes, ponha para aquecer o forno). O tabuleiro deve ir para o forno já  bem quente. Quando os cookies estiverem assados, com uma leve coloração creme, retire e ponha-os para esfriar.
Cuidado com o tempo, que depende de cada forno – no meu, em 15 min já estão prontos. A 2ª rodada fica em até menos tempo, tvz uns 10 min.
* Nota: 180º C corresponde, na maioria dos fornos a 2ª gradação mais baixa existente neles. É quase forno médio.

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Sumidinha Básica



São tantos motivos que me levaram a dar uma sumidinha no meu blog!

Tantos que nem sei por onde começar..mas, como diria, Jack, "vamos por partes"..hihi.

1º - sem tempo, sem tempo....além do serviço ter dobrado o que me levou a trabalhar além do expediente, em  casa também tive problemas, ou seja, fiquei sem secretária aqui em casa e meio desesperada. 
2º - minha câmera quebrou... as fotos começaram a ser pelo celular, até pararem de vez..
3º - mal tive tempo p cozinhar, mas até que fiz alguns pratos legais, tirei fotos de celular mesmo, só que,
me faltou tempo para postar.
4º - continuo sem secretária....e bastante desesperada, mas, pelo menos, estou de férias.
5º - estou refazendo várias receitas, tentando adaptá-las, para adequar a uma alimentação mais saudável, pouco sal, poucas gorduras, menos massas...substituindo queijos amarelos por brancos, conservas por alimentos frescos,  etc, etc...
6º - fiz deliciosos cookies integrais, com aveia, farinha integral, acúcar mascavo,etc, etc.
7º - fiz deliciosos cookies de baunilha com gotas de chocolate, farinha branca, açúcar branco refinado e baunilhado...hihi.....DELICIOSOS.
         Então, estou assim, completamente sem tempo, mas com vontade, e assim que puder, quero voltar com força total, sim, e novas receitas. 
     E algumas novas receitas com um novo enfoque - aquele que nos remete a uma alimentação mais saudável, mas não radical - algo a ver com equilíbrio, sabe? Você come frutas a semana inteira e  uma ou duas vezes, come  uma compota, uma barrinha de chocolate..... um bolo integral com aveia e mel ( e tenho uma receita deliciosa) e aqui e acolá um bolo comum.... e que tal usar mais ricota e  tofu nas receitas diárias e guardar o parmesão para o fim de semana? Assim o organismo vai se regulando normalmente, beneficiando-se de alimentos mais naturais, fibras e carnes brancas, queijos brancos, pouco sal (diminuindo a azeitona e a alcaparra para uma vez por mês, por exemplo, que aqui em casa era todo dia) - e acho que tudo isso vai fazendo diferença a longo prazo.
         Por falar em alimentos naturais, experimente, se ainda não o fez, trocar as hortaliças por sua versão orgânica. Acho as folhagens e os legumes deliciosos. Pequenos, mas com sabor destacado. O frango orgânico também, todos aqui concordam que é bem saboroso. Pena que ainda é difícil achar um produtor de confiança, as associações de produtores orgânicos e a regulamentação ainda é cheia de lacunas ...vale a pena, porém, investir neles porque a idéia é se livrar dos agrotóxicos, ou do excesso deles, pois a agricultura orgânica também lança mão de seus próprios adubos fertilizantes e defensivos agrícolas ditos "naturais" e a gente torce que sejam mesmo, pois não há estudos nesse campo, ainda. Depois de pesquisar sobre o assunto, sinto  que ainda estamos engatinhando nesse terreno. Mas a idéia é boa, e todo começo é gradativo e tropeçante, mas com o tempo,  pesquisas e investimentos na área, chegaremos lá.
            Falei, falei, desabafei, matei a saudade, e prometo voltar logo em breve... até já!