Translate

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Caldo de Legumes Caseiro






Isso de aprender a fazer caldo de legumes, frango ou carne em casa foi tudo de bom pra mim. Nunca gostei muito dos caldos industrializados e afins.
Nem da famigerada receita com creme de cebola de pacotinho. Não que eu não use de certas artificialidades, essências sintéticas para bolos, gelatinas etc, uso, sim. Mas caldos de tablete, sopas e queijos de pacotinhos, salgadinhos de “isopor”, preparados de alho e sal....não dá. Qdo a receita pedia caldo, eu usava água mesmo.
Até descobrir que eu mesma podia fazê-los. É muito simples, e você pode fazer a qq hora...eu gosto de fazer de manhã cedo, em pequena quantidade, para usar no prato do dia. Mas pode-se fazer um litro, ou mais, e congelar.

-  Junte numa panela funda alguns legumes, de preferência, frescos, como abobrinha, chuchu, cenoura, tomate. Aproveite sobras da geladeira, talos e folhas de sua preferência.
- Acrescente cebola, alho poró ou salsão.
- Adicione temperos, também frescos: cebolinha, tomilho, salsa ou coentro, endro. Os chefs usam o bouquet-garni: um apanhado de salsa, tomilho, uma folha de louro, e um talo de salsão ou alho-poró - tudo amarrado com um barbante culinário.
- Cubra com água, aproximadamente um litro para cada xícara. Deixe ferver e reduza a chama, cozinhando lentamente, com a panela semi-tampada. Acrescente mais água se necessário, ou mais ingredientes, se você achar que o caldo está muito “aguado”.
O tempo de cozimento depende de cada fogão, e da quantidade de ingredientes e de caldo que se está fazendo.Depois de cozido, coe o caldo com uma peneira, sem pressionar os legumes. Empregue na sua receita ou congele.

Dicas Importantes:

- Não empregue batata ou tubérculos –  eles contém amido, o que deixará o caldo turvo, prejudicando, inclusive, no resultado final da sua receita.
- Também não devem ser usados legumes de sabor forte, como repolho ou talos de agrião, etc. 
- Cuidado com o excesso de temperos -  O resultado final deve ser aromático, mas  suave. Gosto muito de usar endro fresco, mas com moderação. Pedaços de um bulbo de erva-doce, também deixa um aroma muito agradável.
- Use sempre ervas frescas.
- Aproveite os legumes do caldo e bata no  liquidificador com um pouco de leite. Faça um refogadinho de cebola e alho e acrescente os legumes batidos. Está pronta uma sopa.
Este caldo abaixo, fiz para congelar, portanto empreguei uma quantidade boa de legumes: 



Além do caldo, resultou num ótimo creme de legumes - mas acrescentei batata e um pedaço de peito de frango cozidos à parte e batidos no liquidificador juntos.

O caldo que faço, gosto de temperar com um pouco de dill, cebolinha, coentro, alho-poró, e uso legumes variados, o que tiver em casa, mas sempre coloco pedaços de cenoura, chuchu ou abobrinha. 




Seu caldo poderá ficar mais escuro ou mais claro – depende dos ingredientes escolhidos. Mas, atente para que não fique claro demais, ou seja, aguado.

O legal é sempre seguir a intuição – guie-se pelo aroma e sabor,o que depende da boa combinação dos ingredientes. Experimente seu caldo, saboreie, imagine-o agregado a suas receitas. 
Faça o caldo de legumes e nunca mais vc vai querer saber de outro...hehe.



Nenhum comentário:

Postar um comentário