Translate

domingo, 6 de outubro de 2013

WAFFLES com deliciosa calda de chocolate





Quem não gosta de waffles, bem dourados e crocantes? Nos dias de chuva, eles caem como uma luva.

3 xícaras (de chá) de farinha de trigo
3 colheres  (de chá) de fermento em pó
2 colheres (de chá)  de sal
3 colheres (de sopa) de manteiga derretida
3 colheres (de chá) de açúcar
3 xícaras (de chá) de leite
3 ovos






Misture tudo no liquidificador. Coloque as porções no aparelho de waffles já pré-aquecido (veja as instruções do seu aparelho).
Quando estiverem dourados, sirva-os quentinhos  com manteiga, mel, melado, geleia, calda de chocolate, etc.
Aqui faz sucesso com calda de chocolate. E se você gosta também, lá vai a receita:


Calda de chocolate

(Se necessário, dobre a receita)

3 colheres de sopa de açúcar
4 colheres de sopa de chocolate em pó
1 colher de sopa de manteiga
½ xícara de chá de leite quente

Basta levar os ingredientes a fogo baixo e mexer até derreter. Eu tiro assim que começa a ferver. Sirva a gosto.






domingo, 29 de setembro de 2013

BOLO NEGA MALUCA



Tarde tranquila de domingo, com uma chuva deliciosa lá fora para refrescar esse calorão. Nada melhor do que um bolo nega maluca que faz qualquer um ficar feliz!



MASSA:

2 xícaras de farinha de trigo
1 xícara e meia de açúcar – pode ser uma xícara só, vai do gosto.
1 xícara de chocolate em pó
1 colher de chá de fermento em pó químico
2 colheres de sopa de manteiga
2 ovos
1 xícara de água fervente
extrato de baunilha
forma retangular

COBERTURA:
1 xícara (chá) de açúcar
1 xícara (chá) de chocolate em pó (eu uso Nescau, que é um achocolatado matinal)
2 colheres (sopa) de manteiga sem sal
½ xícara chá de leite

DICA: Eu faço a receita da cobertura dobrada.




MASSA DO BOLO:
Bata os ingredientes do bolo  no liquidificador adicionando o fermento por último.
Cuidado ao adicionar a água fervente: ela deve ser adicionada aos poucos e não se pode, por exemplo, despejá-la em cima dos ovos.

Em seguida, despeje a massa na forma untada e leve ao forno por 30 ou 40 m no forno médio.

Retire do forno e despeje imediatamente a  cobertura por cima, de forma bem distribuída, por todo o bolo.

PREPARO DA COBERTURA: É simples, junte todos os ingredientes e mexa bem em fogo brando até ferver. Desligue e aplique sobre o bolo quente a cobertura também quente.


Então, espere esfriar e consuma essa delícia!



domingo, 22 de setembro de 2013

PANQUECA DE VEGETAIS CROCANTES E MOLHO DE CHANTILLY SALGADO







A última semana de inverno está sendo muito quente no Centro-Oeste e três capitais já bateram o recorde de calor para este ano.
Em Brasília, o nosso recorde, até agora, foi hoje.
 Chegamos aos 33ºC! Para ter uma idéia, a água das torneiras está saindo morninha, mais para quente!

A Primavera começa amanhã, 23 de Setembro, mas o clima está mais para verão!!!!!  A chuva veio só uma vez, na semana passada e não deu mais o ar da graça. Na verdade ela vem com força no verão e nos refresca bem mais que na primavera.

O jeito é beber bastante líquido, comer coisas leves, e correr com as crianças para tomar banho de piscina...é o que refresca e alivia.

Então, para hoje trago essa deliciosa e crocante receita de panquecas de vegetais com molho de chantillly salgado. 
Esta panqueca é muito simples. Saborosa e saudável, ela traz um colorido tão bonito ao prato que abre o apetite. 
Se você gosta de chantilly e não provou ainda o salgado, vale a pena experimentar.É muito simples e saboroso.






Não há necessidade de sal, eu os prefiro assim, grelhados e naturalmente adocicados. Você pode usar uma pequena quantidade, se desejar, mas, sem dúvida, altera o sabor original dos vegetais.
Experimente sem sal. Acho que vai gostar...








PANQUECA DE VEGETAIS CROCANTES  E CHANTILLY

Receita da massa vc pode ver aqui.

Para o recheio:
 queijo mossarela em fatias
alguns ramos de brócolis americano
cenoura ralada no sentido do comprimento
cebola, fatiada no sentido do comprimento
algumas folhas de radicchio rasgadas
não há necessidade de sal

Em uma frigideira anti aderente, em fogo baixo, espalhe um pouco de manteiga ou azeite de oliva e vá grelhando os vegetais, menos o radichio, pouco a pouco e rapidamente, sem deixar juntar água.
Vire delicadamente e, à medida que ficarem no ponto, deposite-os numa vasilha e vá acrescentando o restante, sempre grelhando em pequenas porções. O vegetal deve ficar ao dente.
Por último, coloque as folhas rasgadas de radicchio, mas muito rapidamente, elas são sensíveis e não devem perder a consistência.

Recheie cada panqueca com uma fatia de queijo mussarela e uma porção dos vegetais, coloque num refratário e reserve.
As panquecas não precisam ir ao forno.
Na hora de servir se desejar, aqueça rapidamente no microondas.







À parte, faça um chantilly salgado. Basta bater na batedeira um pote de creme de leite fresco e acrescentar, para o tempero uma pitada de mostarda e sal.

DICA: Você deve fazer o chantilly já na hora de servir o prato e mantenha-o na geladeira. 
Coloque o chantilly sobre as panquecas somente quando o prato for à mesa!
E bom apetite!!






quarta-feira, 18 de setembro de 2013

BOLINHO DE ABOBRINHA E RICOTA para o primeiro dia de chuva!









A chuva chegou em Brasília,  com ventos de desfolhar as árvores e espalhar as folhas já secas e caídas por todo canto. Uma chuva deliciosa que aliviou o calorão e a seca de quase três meses. Até que a seca foi amena este ano.

A deliciosa chuva começou ontem à noite, e hoje, para a alegria dos passarinhos, a manhã mostrou-se limpa, fresca e com minúsculas pocinhas d’água, para eles se refrescarem. Que benção para os festivos e melodiosos sabiás, que cantam sem parar, nessa época do ano, pedindo chuva!

Estou voltando. Demorei um pouquinho, mas voltei!


Este bolinho que fiz agora para o almoço, além de delicioso é a versão saudável do bolinho frito. Fica igualmente gostoso.




(Inspirada na revista Receita Minuto Light – Ano 2, 18)

1 abobrinha média
100g de ricota fresca
100 ml de leite desnatado ou iogurte desnatado
1 ovo
1 xícara de farinha de trigo
1 colher de chá de fermento em pó
½ xícara de cheiro verde picado (cebolinha e coentro ou salsinha)
½ cebola picada
sal a gosto


Esfarele a ricota, misture com o leite, o ovo, o cheiro verde e a cebola. Acrescente a abobrinha e por último a farinha e o fermento. Tempere com o sal a gosto.
Unte uma forma com óleo, enfarinhe  e disponha as colheradas.
Leve ao fogo alto (250º C) até firmar. Use o grill do forno para dourá-los quando estiverem firmes. Ficam mais crocantes por fora e macios por dentro. Sirva imediatamente e bom apetite!

terça-feira, 16 de julho de 2013

FÉRIAS

Olá, estive ausente esses dias, mas porquê estou de férias. Melhor que isso: estamos todos de ferias, eu o marido e as crianças, meus dois meninos que têm muita energia e disposição. Achei que iria  conseguir conciliar as férias com o blog, mas não está dando, hehe. Os meninos ocupam cada espaço livre, cada momento, todos os momentos são preciosos para estarmos juntos, inventar passeios, brincadeiras, pois o tempo corre e logo volta novamente a correria do dia a dia.
Então, vou curtindo as férias e logo, logo, volto, renovada!
Até mais!


E para quem quiser essa receita, o link está aqui.

domingo, 30 de junho de 2013

BOLO DE VINAGRE COM GOTAS DE CHOCOLATE E UMA ESPECIAL REPORTAGEM






Esta semana fiquei muito feliz. Uma de minhas receitas figurou numa reportagem no Correio Braziliense, o jornal de maior circulação na minha cidade (Brasília, capital do Brasil).

 


Inspirada nas marchas e manifestações que estão acontecendo em todo o Brasil, que tem como um dos ícones, o vinagre, a reportagem trata dos diversos usos do vinagre na gastronomia. Em dezembro do ano passado, publiquei uma receita de bolo de vinagre, muito macio e gostoso. Este bolo foi visualizado pelo repórter do CB no meu blog, que o achou interessante e então, figurou na reportagem como uma das receitas.



Vocês podem ver a reportagem pela internet neste link (também saiu no Diário de Pernambuco, por serem diários associados).Bem, e para comemorar, deixo hoje uma receitinha de bolo de vinagre com gotas de chocolate.


BOLO DE VINAGRE COM GOTAS DE CHOCOLATE 

3 ovos
2 xíc (chá) de farinha de trigo
1 e ½ xícara de açúcar
3 colheres ( sopa) de manteiga
¾ xícara de leite
extrato de baunilha a gosto
¼  xícara (ou 4 colheres de sopa bem cheias) de vinagre de cidra ou maçã, ou outro de sua preferência
1 colher (sopa) de fermento em pó
raspas de limão, se desejar
200 g de chocolate para cobertura, picado
Forno pré-aquecido a 180º ou 200º
forma redonda de furo no meio ou retangular ( 20/28 cm)


Bata bem o açúcar com a manteiga e as gemas. Adicione as raspas de limão, se for usar
e vá colocando a farinha e leite aos poucos, batendo sempre.
Adicione o vinagre, mexendo bem.
Por último, acrescente o fermento, as claras batidas e o chocolate picado.
Unte e enfarinhe a forma, despeje a massa e leve ao fogo por talvez 30 min.
Espete o bolo  com um palito, se sair seco, está ok. 
Bom apetite!






domingo, 23 de junho de 2013

CANJICA




Olá a todos, aqui estou eu para mais um post...hehe.
Quem me acompanha sabe que meus post’s ocorrem no fim de semana, geralmente no domingo. Então, vamos lá! hehe.
Como estamos no mês das festas juninas, resolvi fazer um doce junino para esse fim de semana. E um dos doces que mais gosto é a canjica. Muito fácil de fazer, não tem erro.


Ingredientes:

250 g de milho para canjica (meio pacote)
3 copos de leite (600ml)
1 lata de leite condensado
metade de um coco sem a película marrom, picado
açúcar e canela em pau a gosto











Lave os grãos de milho e coloque-os para cozinhar até que fiquem macios. Isso deve ocorrer por volta de 3 horas cozinhando. Eu costumo cozinhar numa panela grande com água pela metade e vou completando a água para não secar. Não gosto de usar panela de pressão, pois o caldo do milho para canjica é denso e entope as válvulas, podendo causar acidentes.




Já com o milho bem cozido, acrescento a lata de leite condensado, o açúcar e a canela (uso uns 6 pedaços).
Coloque o coco em pedaços com ½ copo d’água e bata no liquidificador. Não bata demais, o coco deve ficar num estilo ralado grosso. Acrescente esta mistura na canjica e o leite. Mexa até ferver.
Desligue e está pronto. Pode servir quente ou gelado.






Eu gosto de quente, mas, no calor que está fazendo hoje, apesar do solstício do inverno em 21.06, prefiro saborear o doce bem gelado!!